Nas eleições de 2014, para os governos e parlamentos dos Estados, para o Congresso Nacional e a Presidência da República, não havia muitos candidatos indígenas. Publicamos a lista deles. Nenhum foi eleito, infelizmente, embora alguns congressistas não índios que são apoiadores das causas dos povos originários tenham conseguido sucesso.

Para as eleições municipais deste ano, previsivelmente, pois são mais de cinco mil e quinhentos Municípios, há muito mais nomes, embora a quantidade de candidatos indígenas seja inferior ao número de Municípios; no total, temos 0,34% de candidatos indígenas, porcentagem inferior à porcentagem dos povos originários na população do Brasil.

A Rádio Yandê fez uma lista selecionada nesta matéria, “Conheça os candidatos indígenas das eleições de 2016“, que destacou a desistência da candidatura de David Martim de concorrer à Câmara de Vereadores de São Paulo por falta de apoio do partido.

Nós baixamos a tabela completa da Justiça Eleitoral com os candidatos autodeclarados indígenas (basta clicar na ligação) nas eleições de 2016, com o total de 1532 candidatos com inscrição deferida (dez deles com recurso). Contando com as renúncias (52), as candidaturas indeferidas (60), indeferidas com recurso (70) e pendente de julgamento, tratava-se de 1715 candidatos.  Como esses dados ainda podem mudar, é de verificar, no dia da eleição, se a candidatura que não havia sido deferida estará apta.

André Vallias

André Vallias

 

 

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on TumblrShare on Google+Email this to someone