caboclo marcelino case angatu

 

Por motivos de segurança, foi cancelado o VIII Seminário Índio Caboclo Marcelino. Mantém-se, para 25 de setembro, a XVI Caminhada Tupinambá em Memória aos Mártires do Massacre de Cururupe, no Território Indígena Tupinambá de Olivença, perto de Ilhéus (BA).

Trata-se de um dos mais importantes eventos dos povos indígenas no Brasil. Casé Angatu explica a trajetória do lutador Índio Caboclo Marcelino (um dos desaparecidos dos seculares genocídios indígenas no Brasil) e a importância do Seminário e  da Caminhada neste vídeo que fizemos em 2014: https://www.youtube.com/watch?v=psz9-JSk1WA

Na página pessoal de Casé Angatu, pode-se ler todo o comunicado de cancelamento:

 

CANCELADO O VIII SEMINÁRIO ÍNDIO CABOCLO MARCELINO – 2016
(Por favor, ajudem a divulgar este comunicado)
.

“…enfim
não tem fim
vida corre
como as águas
dos mais puros rios
neste mundaréu
dos senfins”
(Casé Angatu)
.

Por: Comissão Organizadora do Seminário Índio Caboclo Marcelino.
.

Com tristeza comunicamos o cancelamento neste ano de 2016 do nosso Seminário Índio Caboclo Marcelino que seria realizado entre os dias 22/09/2016 – 25/09/2016 no Território Indígena Tupinambá de Olivença a partir de nossa Aldeia Gwarini Taba Atã. Este decisão foi tomada após reunião da Comissão Organizadora (05/09) e após conversa com nosso Cacique Gildo (06/09).
.

Escrevemos com tristeza este cancelamento porque a finalidade de nosso Seminário, bem como de todas as ações que realizamos fora de nosso Território, foi, é e sempre será ampliar o número de aliados, fortalecer os que já apoiam e fortificar os Parentes da/na luta dos Povos Indígenas e em particular do Povo Tupinambá. Por isto é realizado à véspera da “XVI Caminhada Tupinambá em Memória aos Mártires do Massacre do Cururupe” no dia 25/09/2016 que está mantida.
.

Este nosso Seminário é autogestionário, autônomo e coletivista, seguindo os princípios da alteridade e sem depender de verba de estados, ONGs, instituições religiosas, órgãos e projetos de arrecadação internos e externos. O “Seminário Índio Caboclo Marcelino” não possui fins lucrativos e nenhuma forma de financiamento público/privado. Frisamos isto porque desejamos realizar nossas atividades com completa autonomia e de forma auto sustentável. Está é a forma como pensamos que deveria ser feita a luta indígena. Portanto, são princípios inspirados na luta dos Parentes Zapatistas do México e Mapuche Chile/Argentina. Somos quem nem abelhas…vivemos do mel que produzimos.

[...]

Leiam mais na ligação e na página do Seminário.

 

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on TumblrShare on Google+Email this to someone